Presidente da Câmara denuncia falta de medicamento para tratamento de infartos em Caicó

A presidente da Câmara Municipal de Caicó, Rosângela Maria, solicitou, através de ofício à secretaria estadual de Saúde, a aquisição de um medicamento trombolítico. A substância atua na desobstrução e a circulação no coração volta a acontecer, interrompendo o infarto.

“O Hospital Regional do Seridó, que é a casa de saúde referência na região, não dispõe dessa medicação. Se tivesse, aumentaria em mais de 60% a chance do paciente infartado, que fica aguardando os procedimentos na UTI, mas pode não resistir”, explicou a presidente.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Mais Notícias

Skip to content