Biblioteca Olegário Vale recebe homenagem em sessão solene da Câmara

0

A Câmara Municipal de Caicó promoveu nesta quinta-feira (12), no plenário Prefeito Inácio Bezerra, sessão solene para homenagear a Biblioteca Pública Olegário Vale. A solenidade foi requerida pelo vereador Andinho Duarte, tendo em vista o centenário da biblioteca, cujas comemorações foram iniciadas em setembro de 2018.

Andinho apontou algumas funções da biblioteca, entre elas a contribuição no desenvolvimento da sociedade caicoense. “Formando os cidadãos, abrindo mentes e se tornando um patrimônio do povo. A biblioteca é um berço da educação, cultura e da pesquisa acadêmica, que manteve sua resistência nos momentos de glória ou dificuldades durante este século de sua existência”, destacou o vereador.

Fundada em 14 de setembro de 1919, a Biblioteca Pública Olegário Vale funcionou inicialmente nas dependências da prefeitura municipal. Em 1920, a biblioteca foi transferida para sede própria na Praça da Liberdade. No ano de 1971, ela foi restaurada e reinaugurada no local onde funciona atualmente pelo prefeito Francisco de Assis Medeiros, em 14 de setembro.

Patrono da atual biblioteca pública, Olegário Gonçalves de Medeiros Vale (1858-1891) exerceu, dentre outros cargos, a função de delegado escolar. Por sua iniciativa, em 31 de março de 1884, foi criado o Clube 20 de Janeiro, considerada a primeira biblioteca da cidade. A instituição mantenedora era a Sociedade Literária Santa Cecília.

“A biblioteca vem colaborando, ao longo da sua história, na formação de grande parte da população caicoense. Nós recebemos mais de mil leitores por mês com um acervo de quinze mil obras. E vamos além disso com vários projetos, oficinas, contação de histórias, exposições, lançamentos de livros, palestras e capacitação dos gestores de bibliotecas municipais”, disse a coordenadora Ana Maria Maia.

Participaram da homenagem representantes da secretaria municipal de Educação, 10ª DIREC, IFRN, UFRN, SESC Seridó, Ordem Demolay e Filhas de Jó, OAB, Conselho Regional de Biblioteconomia 15 (RN/PB), além do corpo técnico da biblioteca e coladores, como o professor e historiador Adauto Guerra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here