Audiência Pública sobre Reforma da Previdência é bastante prestigiada na Câmara de Caicó

0

A audiência pública sobre a Reforma da Previdência foi bastante prestigiada nesta terça-feira (26) na Câmara de Caicó. Proposta pelo vereador José Rangel, a audiência contou ainda com a participação dos vereadores Zé Filho (PRP), Lobão Filho (MDB) e Maria Cleide (PP).

Na audiência foi discutido a falta de uma ação mais incisiva do governo para cobrar as dívidas de grandes empresas com a Previdência e ainda a Medida Provisoria 871/2019 que foi um ataque aos direitos dos trabalhadores do campo e da cidade. Para quem não sabe hoje os agricultores estão impedidos de se aposentar, já que os sindicatos não podem emitir declaração.

A vice-presidente da Fetarn, Ana Aline alertou que o sindicato é de suma importância para lutar junto aos agricultores para garantir os direitos dos trabalhadores. Outro ponto discutido foi no sentido a aposentadoria da mulher que com a nova reforma só será consentida aos 60 anos e com 20 anos de comprovação na atividade. Sem esquecer do salário maternidade que com a MP  a mulher só terá 180 dias para requerer o benefício.

O presidente da OAB/Caicó, Antônio Marcos relatou que a OAB será parceira da luta no tocante as questões jurídicas. A OAB/Caicó nomeará uma comissão previdenciária para discutir o assunto.

A igreja também dará a sua parcela de contribuição na discussão já que também acredita que a reforma irá punir as camadas mais pobres da sociedade.

Ao usar a tribuna, Rangel falou da importância da luta pelos direitos dos trabalhadores rurais e da cidade. Ele deixou claro que com as forças unidas o texto será reformulado e os pontos serão revistos. Rangel deixou claro que não é contra a reforma e sim da forma como ela está sendo imposta, tirando dos pequenos os direitos.

Desta e outras audiências que serão realizadas no RN será organizado uma documentação para ser enviada a bancada federal para apresentar as reivindicações e assim ser feita uma reforma justa e igualitária.

Participaram o secretário de Agricultura Júlio César, representantes da Igreja Católica, OAB, Colônia de Pesca, Fetarn, Instituto de Direitos Previdenciários, trabalhadores rurais, dentre outros participantes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here